Magia Zen

Atração do Amor Universal Místico e Esotérico

Magia Ecologicamente Legal

Amigos e amigas com poderes ativos…

Mais uma arte dos Bruxos e Bruxas.

Eis que acabo de me deparar com esta foto e não pude deixar de fora do MagiaZen!

Não precisa de texto, pois a própria foto fala por si, uma ideia interessante e criativa.

Pregadores de roupa de madeira, (mas eu já viajei na ideia e pensei em usar os de plástico coloridos…) uma latinha de atum bem lavadinha e pronto.

Você vai ter um lindinho cachepô ou um porta velas!

Boa Arte da Bruxa Ecológica.

Magia da Bruxa Verde

A Bruxa Ecologicamente certa!

 

O que é Bruxaria Verde

Bruxaria Verde é a prática do núcleo das tradições da magia da terra, a feitiçaria da Bruxa Natural, isto pode incluir a magia rural, as plantações e cultura das ervas em sintonia com a natureza e artesanalmente falando.

A prática da bruxa verde atrai os poderes da natureza para o indivíduo, auxiliando a criar mudanças. Esta prática Verde não é formal em tudo, não usa rituais, mas é muito pessoal para a bruxa.

A prática utilizada no trabalho de magia com ervas, chás de ervas, cura e temperos é artesanal utilizando os objetos na natureza, a bruxa verde é capaz de fazer magias facilmente somente com a mão. Essas magias, encantos e outros artesanatos trabalham através dos elementos, Fogo, Água, Ar, Terra e Espírito.

 

Crenças da Tradição da Bruxaria Verde.

Bruxaria e Magia Verde

Bruxaria verde é uma prática altamente individual e pessoal e é diferente para cada pessoa que a pratica.

Devido a isso a palavra mágica é irrelevante, pois magia não é uma ilusão ou uma maneira de agitar as forças não naturais.

Magia é natural, esta em tudo ao nosso redor e dentro de nós e é de uso da energia natural com a intenção consciente de cada um.

Para alguns a palavra mágica pode implicar algo fora do comum, mas para as Bruxas, basta pegar no jardim algumas ervas e fazer uma infusão para estar realizando magia.

Por exemplo, se eu quiser fazer um chá de ervas que eu uso as ervas do meu jardim, se eu usar este chá para dor de barriga ou uma dor de cabeça, é a medicina ou um feitiço? para mim isso não importa realmente. O que importa é o uso da energia ervas para ajudar a curar e aliviar a doença.

 

Espiritualidade Verde 

Buscar a espiritualidade através da natureza é a base de uma eco-espiritualidade.

Eu acredito que cada árvore, planta, morro, montanha de rocha emana uma energia e um espírito.

E neste ponto de vista isso pode fornecer um equilíbrio tão necessário entre a natureza e os seres humanos.

A cultura moderna tem uma visão que os seres humanos são separados e superiores ao mundo natural.

Se os esforços para retornar a verdadeira vida com a natureza for realmente de nosso interesse, ai sim estaremos prontos para um crescimento espiritualmente e vamos deter a destruição ambiental.

O que fazemos à terra, só estamos fazendo a nós mesmos.

Buscar espiritualidade na natureza não é um conceito novo, nem cuidar do meio ambiente tão pouco, esta prática vêm de séculos…

Poderíamos aprender muito com a água nativa, a mata nativa, com os próprios índios e entender a essência da vida e aprender a usar sem deixar acabar.

Os Celtas viram tudo na natureza como vida consciente, acessível e cheia de energia.

Agora, a espiritualidade da Terra deu espaço a uma alienação entre pessoas, religiões e política.

A espiritualidade da Terra baseasse em celebrar os ciclos e a dualidade da vida na natureza.

Em tudo há um equilíbrio, atividade e repouso, o escuro e a luz, nascimento e morte, masculino e feminino.

Hoje a vida moderna exige muito de nós, não há produtividade constante e estímulos sensoriais.

A vida profissional, dificuldades financeiras, o conforto dos materialistas, televisão, jornais, computadores e muitos mais.

Não que seja errado, devemos desfrutar do avanço tecnológico que o mundo alcançou, mas não deixar tão para trás a base que estruturou todo este processo.

Vivendo uma forma mais natural e mais simples de vida oferecemos uma chance de resgatar uma vida mais saudável e consciente.

A Bruxa Verde sempre esteve em alta, e você deve ter uma na família, sim, aquela mãe que sabe colher uma erva e sabe para que esta serve, uma tia que faz um chá de cidreira natural, uma avó que diz quando vai chover ou a amiga que quer te dar chá de boldo para ressaca…

Aprenda com as Bruxas Verdes a admirar e cuidar da natureza, pode ser muito útil um dia!!!

Blessed Be

Magia para cuidar do Ar que respiramos

Ecologia da Bruxa!

AR DE SÃO PAULO

Hoje, Dia Internacional Sem Tabaco, acabo de me lembrar que parei de fumar uns 5 anos atrás, mais ou menos.

Então, parei de fumar para cuidar do meu pulmão, certo?

Assistindo o Jornal Hoje no mês passado, vi a reportagem que mostrava caminhões e ônibus soltando fumaça preta no ar.

Entrei no dilema de indignação, afinal, não fumo mais cigarros mas respiro este ar poluído…(vale a pena mesmo assim, lógico)

Na mesma reportagem, pediram que a população (desculpem, falo daqui de São Paulo, capital) denunciasse quando encontrasse caminhões ou qualquer veículo à diesel soltando a fumaça preta, e deram o endereço do site para denunciar…(mas nem me importei em anotar).

Toda esta história para chegar no ponto!

Vindo para casa semana passada, fui me aproximando de um caminhão, e a fumaça estava excessiva e muito preta, e pensei na hora;

“Que péssimo ter que ultrapassar este caminhão e respirar esse ar podre…”

Neste momento me veio a reportagem na cabeça!

Anotei na hora a placa do caminhão, afinal, meu carro está em dia com a fiscalização, este caminhão também teria que estar, ele polui o meu AR.

Cheguei em casa e… não sabia onde registrar esta ocorrência, pois a bonita não havia anotado o endereço do site.

Não desisti, comecei a fuçar no google e achei.

É este aqui:

http://www.cetesb.sp.gov.br/ar/fumaca-preta/44-denuncie-fumaca-preta

Denunciei, e foi rápido pois basta colocar alguns dados e enviar, e se não quiser nem precisa se identificar… muito fácil.

Concluindo;

Deixo aqui registrado meu caso em homenagem ao Dia Internacional Sem Tabaco e na esperança de um futuro respeito Ecológico com o Meio Ambiente.

Deixo também o endereço para você poder denunciar quando encontrar um infrator, salve em seus favoritos, vale a pena e é fácil de fazer esta denuncia.

Se tudo que é ruim à Mãe Natureza tivesse um local de denunciar, seria mais fácil de conscientizar as pessoas.

Faça sua parte: DENUNCIE!

A vida do Planeta agradece.

As Nações Unidas designam 2011 como o Ano Internacional das Florestas.

Então vamos unir forças e divulgar proteção a Mãe natureza.

As florestas ocupam cerca de 30% da superfície terrestre.

As florestas são vitais para a vida do ser humano, devido a muitos fatores principalmente de ordem climática.

A floresta é um ambiente existente na natureza que envolve uma série de espécies de vida, e geralmente selvagem graças aos recursos e fenômenos naturais.

Com o crescimento das populações e suas inovações tecnológicas, ouve a proliferação de resíduos que contaminam e afectam o meio ambiente alcançando nossas florestas.

Os elementos da Natureza sentiram a invasão do ser humano e tentam resgatar seus prejuízos.

Com as manifestações naturais das esferas da terra a natureza mostrou ao homem que era hora de parar de degradar o meio ambiente

Assim, o Homem tem vindo a desenvolver práticas que permitem a proteção e a conservação da Natureza.

Nós que acreditamos em “energia” para praticar magia, sabemos da importância de uma floresta.

E sabemos que cada vez mais aumenta a distância entre nós e uma floresta pelo crescimento desordenado da urbanização.

Vamos procurar entender mais dos espíritos da floresta, das vidas naturais e sobrenaturais que ali estão, e respeitar este ambiente.

Precisamos crescer e civilizar sim, e já acostumamos com nossa floresta de pedra, com o asfalto nas ruas, os meios de transportes urbanos, e toda tecnologia que avança diariamente.

Mas também precisamos das florestas, e sem elas vamos perder também um encanto natural e uma energia natural.

Em 2011 comente mais sobre as florestas, divulgue que é seu ano internacional e se envolva mais no assunto.

É lá que moram os seres encantados, quer você acredite ou não.

Passeie por uma mata ou floresta e tente ficar em silêncio e disposto a um contato com os seres que moram ali, você vai se surpreender.

Um dia a natureza foi única selvagem e depois começou um processo de habitação desrespeitosa e invasora.

O mundo natural costuma estar associado ao mundo real.

Fazemos parte do Universo e temos que ter nosso espaço nele, mas podemos evitar tanta destruição.

Passeie pela floresta e ame a natureza!

2011, Ano Internacional das Florestas

Reciclar garrafas PET!

Como vocês já sabem, nós bruxas e bruxos somos amantes da natureza e adoramos reciclar.

O MagiaZen por sua vez não podia deixar de passar esta idéia aos seus leitores:

RECICLAGEM INTERESSANTE PARA FECHAR SAQUINHOS DE MANTIMENTOS!

Corte o pescoço da garrafa plástica, conforme a foto (a foto mostra tesoura, mas pode ser usada uma faca);

Passe o saco plástico através da abertura do pescoço da garrafa que foi cortada.

Feche com a própria tampa da garrafa. É melhor do que clips plásticos (ou prendedores de roupa), que você tem que comprar.

Use esta idéia com criatividade e poderá inventar outras utilidades para vários produtos.

Dia desses, quando recusei a sacolinha plástica numa loja, ouvi da moça do caixa: mas como você faz com o seu lixo? Não foi a primeira vez que me perguntaram isso. A grande justificativa das pessoas que dizem que “precisam” das sacolinhas é a embalagem do lixo. Tudo bem, não dá mesmo pra não colocar lixo em saco plástico, mas será que não dá pra diminuir a quantidade de plástico no lixo? Melhor do que encher diversos saquinhos plásticos ao longo de uma semana é usar um único saco plástico dentro de uma lixeira grande na área de serviço, por exemplo, e ir enchendo-o por alguns dias com os pequenos lixinhos da casa (da pia, do banheiro, do escritório). Se o lixo é limpo, como de escritório (papel de fax, pedaços de durex, etc), pode ir direto para a lixeira sem proteção.

No caso dos lixinhos da pia e do banheiro (absorventes, fio dental, cotonetes), o melhor substituto da sacolinha é o saquinho de jornal. Ele mantém a lixeira limpa, facilita na hora de retirar o lixo e é facílimo de fazer. Leva 20 segundos. A ideia veio do origami, que ensina essa dobradura como um copo. Em tamanho aumentado, feito de folhas de jornal, o copo cabe perfeitamente na maioria dos lixinhos de pia e banheiro que existem por aí.

Veja:

Você pode usar uma, duas ou até três folhas de jornal juntas, para que o saquinho fique mais resistente. Tudo no origami começa com um quadrado, então faça uma dobra para marcar, no sentido vertical, a metade da página da direita e dobre a beirada dessa página para dentro até a marca. Você terá dobrado uma aba equivalente a um quarto da página da direita, e assim terá um quadrado.

Dobre a ponta inferior direita sobre a ponta superior esquerda, formando um triângulo, mantendo a base para baixo.

Dobre a ponta inferior direita do triângulo até a lateral esquerda.

Vire a dobradura “de barriga para baixo”, escondendo a aba que você acabou de dobrar.

Novamente dobre a ponta da direita até a lateral esquerda, e você terá a seguinte figura:

Para fazer a boca do saquinho, pegue uma parte da ponta de cima do jornal e enfie para dentro da aba que você dobrou por último, fazendo-a desaparecer lá dentro.

Sobrará a ponta de cima que deve ser enfiada dentro da aba do outro lado, então vire a dobradura para o outro lado e repita a operação.

Se tudo deu certo, essa é a cara final da dobradura:

Abrindo a parte de cima, eis o saquinho!

É só encaixar dentro do seu cestinho e parar pra sempre de jogar mais plástico no lixo!

Que tal?

Pode parecer complicado vendo as fotos e lendo as instruções, mas faça uma vez seguindo o passo a passo e você vai ver que depois de fazer um ou dois você pega o jeito e a coisa fica muito muito simples. Daí é só deixar vários preparados depois de ler o jornal de domingo!

Magia Wicca.

Atualmente a Wicca, que é uma vertente da antiga religião da Deusa, desperta o respeito à natureza e ao planeta enquanto relembra o homem a conviver harmoniosamente com as energias ao seu redor.

Sendo seguida como uma filosofia de vida e não como uma religião, não descrimina nenhuma religião e aceita todas as filosofias que enfatizam o respeito à vida.

Seguindo filosofias de amor e respeito à vida, o ser humano vai alcançar e passar por estes e os próximos resultados de seus atos, as famosas previsões e profecias que mostram o que já era previsto, não é!

No fundo, e na verdade, estas catástrofes que sofremos são resultados dos atos dos seres humanos, tanto da natureza quanto da avançada tecnologia.

Mas tudo é um aprendizado para esta humanidade jovem e em fase de crescimento. A evolução é necessária, mas usamos a mãe natureza como mãe mesmo!

Fazemos e deixamos nossa mãe nos corrigir, e agora devemos nosso respeito à “Ela”.

Acredito num mundo melhor, pois já estamos vendo onde falhamos. É o primeiro passo.

Ame sua vida, mas ame a vida de todos também, pois ninguém vive só!

Um Planeta Sustentável.

Temos como desafio redirecionar as concepções atualmente existentes em novas formas de pensar e agir, com responsabilidade ao meio em que vivemos e as consequências das ações tomadas e não tomadas no seu devido tempo, adaptando as tecnologias existentes e as futuras para que sempre possa co-existir o crescimento populacional e o nosso ecossistema.

Para isto, com pouco esforço é possível ajudar o Planeta a ser sustentável e melhorar as condições de preservar a natureza.

Ao usarmos a energia elétrica para aparelhos eletrônicos e lâmpadas também emitimos CO2, um dos principais gases do efeito estufa.

Atitudes bem simples como trocar as lâmpadas incandescentes pelas fluorescentes em sua casa e puxar da tomada os aparelhos que não estão em uso reduzirá a sua conta de luz e as emissões de CO2 na atmosfera.

Você estará colaborando com o planeta e com seu bolso!

E lembre-se que há muitos tópicos em sua vida e na vida do planeta que com pouco esforço pode fazer uma diferença muito satisfatória.

Magia de Ecologia.

É muito importante saber a prática, mas também a teoria. Então aqui temos um breve resumo para ser compreensível e não muito cansativo. Vamos entender destes nomes que estão na moda:

Ecologia

É a versão moderna da antiga disciplina conhecida como História Natural. É ligada à biologia, e estuda a relação existente entre todos os seres vivos e o ambiente em que vivem. Pelo estudo da ecologia é possível saber como o homem modifica o ambiente em que vive e quais as conseqüências de seu comportamento, pois nenhum animal, nenhuma planta, vivem isolados. Cada um se relaciona com os outros, com a terra, o ar e a água, que constituem seu ambiente físico. Os maiores problemas causados pelo homem são a poluição e a destruição do meio ambiente. A contaminação da água e do ar tem atingido níveis altos, o desmatamento tem levado à extinção espécies animais e vegetais. Isso causa um desequilíbrio muito grande, afetando o próprio homem.

Ciclo alimentar

O ciclo alimentar é uma cadeia contínua de seres vivos alimentando-se uns dos outros. As plantas fabricam seu próprio alimento (fotossíntese), por isso estão na base do ciclo alimentar. Depois, vêm os animais que comem plantas (herbívoros), os outros que devoram estes (carnívoros), e assim por diante. Após a morte do último animal do ciclo, seu corpo é decomposto por fungos e bactérias, devolvendo substâncias nutritivas ao solo, que são utilizadas pelas plantas. Como as relações entre os seres vivos não são tão simples como nesse esquema de ciclo, é mais correto falar de uma trama alimentar, um complexo sistema de interdependências.

Ecossistema

Uma comunidade de plantas e animais que vivem juntos é chamada de ecossistema. O oceano é um exemplo de ecossistema. Existem nele várias espécies de peixes, algas, moluscos, organismos microscópicos, enfim uma variedade enorme de seres vivos. O ambiente dessa comunidade possui características próprias de temperatura, oxigênio, luz, entre outras. Em seu estado natural, essa comunidade será estável, todos os seres estarão em mútuo equilíbrio. Como uma espécie alimenta-se de outra, haverá sempre um crescimento populacional estável. O equilíbrio ecológico define esse estado de harmonia. Não havendo influências exteriores, o equilíbrio se manterá por mecanismos autocontroladores. Um deles é a disponibilidade de alimento. Se uma espécie crescer demais, haverá escassez de alimento e parte dos animais morrerá restabelecendo o equilíbrio. O homem atua de forma drástica nesse equilíbrio. Um exemplo é a pesca predatória. A captura de enormes cardumes de forma repetitiva, causa uma diminuição gradativa das espécies, levando ao desequilíbrio.

Biodiversidade

A biodiversidade é definida como a variabilidade de organismos vivos de todas as origens e os complexos ecológicos de que fazem parte; compreende ainda a diversidade dentro de espécies, entre espécies e de ecossistemas. Também pode ser compreendida de maneira ampla como sendo constituída por toda a gama de material genético (aquele que contenha unidades funcionais de hereditariedade) existente em todos os indivíduos e populações de seres vivos do planeta. (Biodiversidade – PPMA – Projeto de Preservação da Mata Atlântica)

Magia de aprender a viver com moderação!

Todos nós devemos voltar nossas atenções para as questões ambientais.

Cada um deve olhar ao seu redor e procurar levar a vida sem desperdícios. Fazer redução de gastos, economizar água, mesmo dieta alimentar e economizar energia elétrica.

Lamentavelmente o mundo perdeu a moderação, tornando-se conturbado, e aumentando a entropia. A Terra está ameaçada de destruição devido à explosão demográfica e ao uso desmedido dos recursos naturais.

A ONU, alertou sobre a possibilidade de o aquecimento global perdurar por um longo tempo e que em 2020, milhões de pessoas padecerão com falta de água. E em 2050, entrará em extinção 30% dos espécimes vivos, devido ao desaparecimento quase que completo das geleiras no Oceano Ártico.

Eis os três vilões do meio ambiente:

Produção em massa, consumo em massa e descarte em massa.

Devemos unir forças para combater estes vilões, e nos empenhar em preservar os recursos naturais para assegurar o futuro do planeta. Se não começarmos logo, daqui 50 anos será irreversível a situação.

Já estamos na época de nos unir, como fazemos nós Bruxas, e praticar os 4 R, com seriedade. Aquilo que puder ser reutilizado deve ser aproveitado, e o que puder ser reparado deve ser consertado.

Ajudem na campanha dos “4 R” das Bruxas:

Reduzir (o lixo)

Reutilizar

Reciclar

Reparar

“VAMOS TODOS JUNTOS, ECONOMIZAR OS RECURSOS NATURAIS!”