Magia Zen

Atração do Amor Universal Místico e Esotérico

Magia dos Deuses do Vento

 Deus do Vento

O Vento é o fluxo de gases em curta escala e na Terra, seu deslocamento é muitas vezes expressos de acordo com a sua força e a direção de onde ele está soprando.

O Vento é fonte de energia, foi inspiração na mitologia, sua circulação influencia na meteorologia, causa impacto ecológico, enfim, predomina na sociedade humana.

O que poucos sabem é que o sopro humano possui poderes pessoais, em intenção e força…

Em uma antiga magia egípcia, queimava-se o papiro ( papel com escritos poderosos ) em um recipiente sagrado, e com um sopro, o feiticeiro mandava aos deuses dos ventos seus desejos ali descritos.

Na mitologia grega, existiam nove deuses responsáveis nesta categoria.

Éolo, Deus dos Ventos, comandava todos os ventos; tanto as brisas leves quanto as piores tempestades.

A cada um dos outros deuses era atribuído uma direção cardinal.

Em especial a genealogia dos Quatro Grandes Ventos é controversa, por vezes são colocados como titãs, portanto filhos de Urano, o céu e Gaia, a terra.

Entretanto existem outras descrições.

 

Os quatro principais grandes Ventos são:

Bóreas (N), o vento norte, frio e violento;

Zéfiro (O), o vento oeste, suave e agradável;

Eurus (L), o vento leste, criador de tempestades;

Nótus (S), o vento sul, quente e formador de nuvens.

 

Os quatro Deuses dos Ventos menores, mas não menos importantes:

Kaikias (NE), o vento nordeste;

Apeliotes (SE), o vento sudeste;

Lips (SO), o vento sudoeste;

Siroco (NO), o vento noroeste.

 

Assim, ciente de seus nomes você pode realizar suas magias incluindo-os em seus encantamentos, e chamá-los de preferência cada um em seu ponto respectivo cardeal.

E você pode elaborar sua magia para somente um deles, como também para todos…

Sem comentários :(

Spam protection by WP Captcha-Free